Nosso mundo é altamente dependente do uso de produtos à base de petróleo. Do combustível até cremes para o rosto, a vida tal como a conhecemos pode mudar dramaticamente quando o fornecimento desses produtos à base de carbono é de alguma forma restrito. Poucas pessoas estão cientes do papel que o acabamento de metal desempenha para manter este canal em bom estado de funcionamento.

Fluidos corrosivos, gases e água do mar causam estragos na tubulação, válvulas e outros componentes de entrega que não são protegidos. O uso de ligas sofisticadas, como Invar, Hastelloy ou mesmo aço inoxidável, é custo proibitivo e também apresenta desafios de fabricação.

Os revestimentos eletrolíticos e químicos encontram grande uso neste segmento de mercado. O níquel químico é amplamente usado nesta indústria e proporcionou serviço de campo confiável desde o final da década de 1950. Quase 15% de todo o níquel eletrolítico no mundo é usado de alguma forma relacionado à exploração de petróleo, refinaria e entrega aos usuários finais.

Processos

A COVENTYA reconhece a importância desse negócio em seu portfólio global de aplicativos. Através da nossa presença na Europa, América do Sul e Estados Unidos crescemos fortemente através da diversificação do mercado.

Brasil, China, Europa Oriental e os países emergentes do Sudeste Asiático oferecem ótimas oportunidades de expansão contínua neste segmento de mercado altamente técnico e crítico.

Inovações

Sob a pressão dos altos preços do petróleo e do encolhimento da oferta, as empresas petrolíferas começaram a explorar as áreas já consideradas muito difíceis. Esses ambientes hostis requerem novos revestimentos para resistir às condições rigorosas. A COVENTYA oferece produtos como ENOVA H15 e ENOVA 949 para atender a essas condições difíceis. Ambos os processos de níquel químico produzem um filme de níquel ligado com mais de 10% de fósforo que produz um depósito livre de poros e impermeável ao ataque.

Revestimentos compostos novos estão encontrando uso e o futuro provavelmente verá filmes baseados em nano partículas para aprimorar ainda mais o desempenho. ENOVA KR é um revestimento único que incorpora partículas de nitreto de boro na matriz de níquel-fósforo. Estas partículas aumentam a resistência ao desgaste e aumentam a lubrificação, e o nitreto de boro é um excelente lubrificante de película seca. Finalmente, o ENOVA 110, um composto de PTFE, é um depósito que fornece excelentes propriedades de lubrificação e liberação de moldes.

As tecnologias emergentes, como a energia eólica e solar, bem como outros combustíveis alternativos, já geram oportunidades de crescimento para uma empresa baseada em inovação, como a COVENTYA.

 

Funcional

Níquel químico – Linha ENOVA
Sistemas Enova Alto Fósforo – ENOVA H 15 & ENOVA 949/950
Sistemas Enova Médio Fósforo – ENOVA EF 587 & ENOVA EF 509
Sistemas ENOVA Baixo Fósforo – ENOVA EF 163 &ENOVA EF 243
Sistemas de compósitos especiais – ENOVA KR (hBN) & ENOVA 110 (PTFE)